sexta-feira, 17 de abril de 2020

Tinha que chegar o dia.....

Olá amigos do vento!
Antes de tudo, espero que se encontrem bem de saúde.
Esta semana foi diferente. Na passada 4a feira senti que algo fora do normal se passava. As persianas estavam inquietas, algo assobiava lá fora. Resisti a pensar que seria "ele" apesar de no fundo saber que era. Tentei ignorar e pensei "ah, forte assim só pode ser nortada....". Mas não era. Da janela podia ver as árvores "vergarem" rendidas à força invisível. Aquelas árvores de estatura delgada já as conheço bem e nortada não era.
Abstrair era o plano do dia. Tudo corria bem até que o meu amigo Lucky Fox me presenteia com um vídeo no spot "que grande kitada que eu fazia agora!" atirou ele. Estava um belo SW acima de 20knts, o mar parecia grande e revolto mas a ria... essa seria a pista principal. Daqueles dias de navegar até ao "secret spot" esticar a mão e quase tocar no Farol.
Para piorar a situação o Valentim (meu filho) diz me "está vento papá!".  Decidi ter uma conversa de adulto para criança.  A criança começou por dizer "filho achas que o pai pode ir fazer kite hoje?" o adulto respondeu "sim papá, quero ver-te a cair da prancha!?!?".
Tive que ser consolado pelo meu filho de 4anos. Só me apetecia chorar. Ficou a promessa que este ano vai começar a pilotar um kite.

Com isto tudo, também  foi noticiado esta semana a eventual abertura gradual das actividades, incluindo as praticadas ao ar livre. Não vou cantar vitória mas é um sinal de esperança neste pesadelo.

Actividade física mantém-se a bom ritmo. Adicionei o "saltar à corda" ao treino e tenho me desafiado neste campo. Muito bom.
Vocês mantenham-se activos também!

Em jeito de adeus, hoje fui à praia. Há pelo menos 25dias que não o fazia. Mandei duas golfadas de ar puro e cheiro a mar para os pulmões. Fez-me bem.

Tinha que chegar o dia.....

Até já!











Sem comentários:

Publicar um comentário